Começou quente

O mês de novembro começa trazendo bons ventos para o mercado, como dados favoráveis da indústria chinesa divulgados na madrugada. Mas o impulso mesmo veio do relatório oficial do mercado de trabalho dos Estados Unidos. O payroll mostrou que a economia americana gerou 128 mil postos de trabalho em outubro, acima da expectativa de criação de 75 mil, vigor que se reflete no avanço dos índices futuros em Wall Street, nas praças europeias e na Bolsa. Por aqui, a produção industrial subiu 0,3% em setembro, abaixo da expectativa, corroborando a necessidade de estímulos para que a atividade ganhe tração.