Um gosto amargo

Clima positivo nas bolsas globais em meio ao avanço das negociações entre EUA e China, que ganharam um cronograma. Isso porque o Ministério de Comércio chinês anunciou que as duas potências concordaram em retirar, em etapas, as tarifas a importações mútuas. Por aqui, os investidores contam com a melhora externa para superar a frustração com a baixa demanda por parte dos estrangeiros no mega leilão do pré-sal, que teve mais impacto no dólar.